Não me venha falar em motivar alunos!

Acho tão engraçado esse povo que vem falar de Educação sem nunca ter colocado o pé numa sala de aula, com papinho demagogo que o professor tem a “responsabilidade” de MOTIVAR o aluno. Acorda! Não é porque meia dúzia de professores trabalham em escolas com condições favoráveis que a maioria está na mesma situação. Muito pelo contrário. A verdade é que nossa educação é decadente, para dizer o mínimo.

O professor é humilhado em plena sala de aula, a direção da escola não apoia os mestres e o Governo não oferece condições de trabalho. Então saibam de uma vez por todas: NÃO É CULPA DO PROFESSOR QUANDO O ALUNO NÃO APRENDE!

Difícil realidade

Ponha uma coisa na sua cabeça, na maioria das vezes o aluno não quer aprender. Ele não tem interesse nisso. Ponto. Se sabe que vai passar de ano mesmo sem estudar, pra que raios vai aprender alguma coisa? Ele prefere mil vezes promover arruaças em sala de aula! Portanto, se o aluno não aprende, a responsabilidade é única e exclusivamente dele. O conhecimento é individual, professor não é babá, não é nossa função correr atrás do aluno. O professor está disponível na sala para explicar o conteúdo e tirar dúvidas, se o aluno não quer aprender, paciência. Quem perde é ele.

Do jeito que as pessoas falam parece que o aluno faz é favor para o professor se aprender. Quantas vezes ouvi de aluno “Ah, não vou fazer a lição!”. Meu bem, o problema é seu! E mesmo que o professor não explique direito a matéria, se quiser aprender mesmo, o aluno vai correr atrás do conhecimento. A internet está aí pra isso. Pois hoje, com a tecnologia, só não aprende quem não quer! Se sabem usar a internet pra mandar nudes, sabem muito bem fazer uma simples pesquisa.

Violência e desvalorização da categoria

O professor é cada vez mais desvalorizado no exercício da profissão

Agora, não venha me dizer que o professor tem obrigação de motivar os alunos, porque ninguém motiva o professor! O professor vive em depressão e com os nervos à flor da pele, muitos estão deixando as salas de aula. Alguém aí sabe o que é trabalhar numa escola com salas superlotadas de quase 50 alunos e sem inspetor nos corredores para dar suporte? Alguém sabe o que é precisar aplicar prova e não ter papel ou toner na escola para imprimir?

Motivar alunos, missão impossível

Quero ver falar em motivar o aluno depois que ele te mandar tomar no c*. Quero ver falar em motivar alunos depois de horas planejando a aula, entrar em sala e todo mundo continuar conversando. E você não consegue falar com a turma por causa do barulho, muito menos dar o conteúdo.

Quero ver falar em motivar alunos quando o professor está em sala e o aluno sai no meio da aula sem dar nenhuma satisfação. Queria muito saber o que você faria se estivesse explicando a matéria e os alunos ficassem mexendo no celular, sem te dar a mínima. Que tal motivar o aluno que durante uma conversa te apontasse o dedo na cara sem respeito nenhum? Inegavelmente é como diz uma colega professora, a sala de aula virou a “sucursal do inferno”.

Professor não tem credibilidade nenhuma

Saibam de uma coisa, o aluno não dá a mínima para o professor. Para ele o professor é o mesmo que lixo. E o pior é que a culpa não é totalmente do aluno! A culpa é do nosso sistema educacional falido, que acostuma mal o aluno com a progressão continuada. A culpa é da direção da escola, que não oferece suporte e nem apoia o corpo docente. Finalmente, a culpa é do próprio professor, que é conivente e permite que façam essas coisas com ele.

Então, por favor, não fale sobre o que não conhece. Primeiramente, antes de qualquer coisa, encare uma sala nas condições que descrevi, com alunos que não querem aprender, que falam na sua cara os palavrões mais cabeludos e impublicáveis que existem. Trabalhe numa escola cuja direção nunca está do lado do professor. É muito fácil falar sem conhecer a realidade. Mas o interessante é que quem fala que professor tem que motivar alunos não está disposto sequer a entrar numa sala de aula. Claro, como diz o ditado popular, “pimenta no fiofó dos outros é refresco!”.

E aí, você acha que o professor tem condições de motivar o aluno, mesmo quando ele mesmo precisa de ajuda? Me conta aqui nos comentários!

Tags: | | | | | | |

ENTRE PARA NOSSA LISTA

Assine nossa newsletter!

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.

%d blogueiros gostam disto: